domingo

MINHA SOMBRA





















Briguei com minha sombra
ontem.

Não quero que me siga
por onde vou.
Nem que conte o que digo
por onde vai.


Muito menos
que reproduza meus gestos
como fotografia.

Eu sou diferente,
especial,
único.

A briga foi tão intensa
que nem percebi o sol
desaparecer.

Só aí vi que minha sombra era apenas eu.


Nenhum comentário:

Postar um comentário